🚚 FRETE GRÁTIS nas compras acima de R$ 149

Para quem gosta de cuidar do cabelo, os óleos são os queridinhos. O Óleo de Patauá é um deles, representa uma descoberta riquíssima em nutrientes ao utilizar no cabelo.

Para aproveitar o que esse ativo tem a oferecer nos fios é importante entendermos de onde veio e porque já é tão famoso no mercado.

Por isso, falaremos sobre ele neste post, a fim de conhecermos os seus benefícios e sabermos como fazer uso desse excelente produto para tratamento capilar. Confira:

 

Qual a origem do Óleo de Patauá?

 

Também conhecido como Azeite Amazônico, o Óleo de Patauá é resultado da extração do fruto de uma palmeira. A sua altura pode chegar a até 25 metros, e o óleo gerado por essas frutas pode trazer vários benefícios para o organismo.

A origem do seu uso foi pelos povos indígenas da região amazônica, não apenas para tratamento nos cabelos, como também alívio de tosse e problemas respiratórios, tais como a tuberculose e a asma.

Para aproveitamento das propriedades do óleo, muitas empresas o utilizam como ingrediente de cosméticos voltados para os cabelos. Por outro lado, bem como outros óleos vegetais, como o conhecido Óleo de Coco, o uso de versões mais naturais é a melhor alternativa.

 

Óleo de Patauá como pré-shampoo

 

O shampoo é um produto que ajuda a limpar os cabelos, tirando resíduos e diminuindo a oleosidade. Por outro lado, os seus ativos podem trazer problemas como ressecamento, além da perda de alguns nutrientes.

A função de um pré-shampoo é proteger as fibras capilares, fechando as cutículas e impedindo que nutrientes sejam perdidos durante a lavagem. Isso é muito importante principalmente para quem está em transição, que são as pessoas que abandonaram químicas como o alisamento.

Nesse contexto, entra o Óleo de Patauá, pois funciona como um excelente pré-shampoo. Basta aplicar nos cabelos e fazer uma massagem, evitando a raiz. Esperar um pouquinho e lavar os cabelos normalmente, com uso de shampoo e condicionador.

O óleo vai proteger os fios e o shampoo consegue fazer o seu trabalho de limpeza, sem prejudicar a nutrição e outros ativos naturais do cabelo. É uma ótima opção para evitar aquele efeito mais ressacado que o shampoo traz.

 

Para umectação no cabelo

 

Processo de umectação é um verdadeiro banho de óleo no cabelo, feito preferencialmente com óleos vegetais e em uma versão o mais natural possível. Basta aplicar em todo o cabelo, evitando a raiz, fazendo uma massagem e sem economizar no óleo.

É como se o cabelo encontrasse "alimento" nesse óleo, alcançando uma nutrição maior e mais saúde nos fios. O Óleo de Patauá é um ótimo aliado no processo de umectação, pois ajuda a fortalecer os fios e prolonga o processo de crescimento.

Para umectar os fios, é simples. Depois de aguardar cerca de 30 minutos ou quanto tempo for possível, é só lavar os fios normalmente com uma linha de tratamento. Há quem prefira até dormir com óleo para que sua ação seja por mais tempo.

A umectação pode ser uma vez por semana ou a cada dez dias, a depender do ressecamento dos fios. Para cabelos lisos, é comum a necessidade de o óleo ser com maiores intervalos, já que a oleosidade é maior e chega mais rápido ao comprimento.

Já para os cabelos crespos, o uso pode ser mais frequente, já que as ondulações dos cabelos dificultam a chegada do óleo natural nas pontas, causando o ressecamento mais rápido.

Então, se você possui cabelos crespos e está em transição, o Óleo de Patauá é um grande aliado para fortalecer os fios e colaborar para o crescimento mais rápido. Assim, você vê o cabelo natural chegar forte e até mais rápido.

 

O Óleo de Patauá e o crescimento dos fios

 

Estudos em torno das propriedades do Óleo de Patauá identificaram algo interessante, em relação aos crescimentos dos fios com o seu uso.

Primeiro, vamos pensar sobre o crescimento dos cabelos, que acontece em uma fase chamada de anágena, a qual corresponde a cerca de 1 centímetro por mês.

Essa fase pode durar anos, sendo de 2 a 9. Por isso que algumas pessoas não conseguem identificar crescimento em seus fios, mesmo com anos de tratamento. Isso é uma resposta genética do organismo.

O Óleo de Patauá faz com que a fase anágena dure mais tempo, colaborando para que o crescimento dos fios dure mais tempo. É possível alcançar fios mais longos, de forma saudável.

 

Onde encontramos o Óleo de Patauá?

 

Já queridinho no mercado, o Óleo de Patauá tem alcançado a indústria cosmética não apenas em produtos capilares, como também em cosméticos para o tratamento da pele.

Por essa razão, já é possível encontrar linhas completas de tratamento capilar com o óleo sendo o ativo principal. Por outro lado, não podemos esquecer que esses produtos vêm acompanhados de outros ativos, como petrolatos e sulfatos.

Então, o mais interessante na hora de usar esse tipo de produto como tratamento capilar é em sua versão mais natural. Podendo usar como umectante ou pré-shampoo, como já ensinamos.

O que não faltam são opções de cosméticos com ingredientes mais naturais e ativos como o Óleo de Patauá, que visam alcançar um tratamento mais puro dos fios e melhores resultados.

Além de melhores para a saúde, são produtos que representam um consumo mais sustentável, aliando resultados e cuidados com o meio ambiente.

Viu como o Óleo de Patauá é importante no tratamento dos seus fios? Na hora de implementar esse precioso ingrediente no cuidado diário com seu cabelo, não deixe de optar por soluções mais naturais, a fim de alcançar o que há de melhor no uso do óleo.

A escolha errada de cosméticos pode prejudicar os seus fios, ao invés de trazer mais saúde. Por isso, é importante verificarmos sempre os rótulos dos produtos cosméticos.

Quanto mais natural, melhor para seus fios. Então, cuidado com produtos industrializados com Óleo de Patauá.

Temos produtos para tratamento completo usando o Óleo de Patauá como principal ingrediente em uma formulação natural. Se quer saber mais, não deixe de conferir nosso site!